O Vidro e sua Aplicação


Aplicação do vidro na Construção Civil

A partir da década de 1980 o vidro conquistou lugar especial na construção civil, ganhando destaque nos projetos arquitetônicos. Nesse período, tornou-se comum vermos o vidro em fachadas, coberturas, portas, escadas, paredes e pisos. Entre a potencialidades do emprego desse material, podem ser destacadas a possibilidade de interação entre embientes internos e externos, leveza, harmonia e beleza nos diferentes espaços residenciais e/ou comerciais. O vidro consegue aliar versatilidade e segurança e, por isso, existe uma expectativa de que futuramente, com os avanços nas tecnologias de sua fabricação, ele possa substituir até mesmo o aço ou o concreto, diminuindo consideravelmente os custos finais da obra.

Na hora de escolher o tipo de vidro que será utilizado em cada projeto, é preciso equilibrar o efeito que o cliente deseja obter no produto final e o esforço ao qual o vidro será submetido cotidianamente. 

 

Tipos de vidro utilizados nos serviços da Clique Divisórias


Temperado: um choque térmico na fabricação o torna cinco vezes mais resistente que o comum. Se quebrar, produz pedaços pequenos e não cortantes.

Laminado: sanduíche de duas ou mais placas de vidro, que leva no miolo uma película de segurança (PVB, EVA ou resina). Se romper, a película retém os pedacinhos.

Jateado: jatos de areia ou pós abrasivos fazem desenhos opacos na superfície.